quarta-feira, 1 de abril de 2009

CPI das Barcas

Prezado Deputado Gilberto Palmares, presidente da CPI

Grato pelo retorno.
 
e.t.: pelo que soube, algo foi conquistado, pois as lanchas da madrugada voltarão a circular, é fato ?
 
sds,
FFA
 
 
-------Mensagem original-------
 
Data: 1/4/2009 15:38:28
Para: FFALMEIDA
Assunto: cpi das barcas
 

CPI OUVE USUÁRIOS NESTA QUINTA, DIA 02/04 


Depois de ouvir o secretário de Transportes, o presidente da Agetransp e o principal acionista de Barcas S/A, a CPI das Barcas ouvirá quem mais entende do serviço: os usuários. Na sessão desta quinta-feira, que começa às 13h30, serão ouvidos passageiros que fazem a travessia Rio-Paquetá, Rio-Niterói e Rio-Cocotá.  Além deles, também será ouvido um dos passageiros que foram vítimas da queda da rampa de atracação de Paquetá, em novembro do ano passado. Embora Barcas S/A tenha informado inicialmente que não havia feridos com gravidade, a CPI descobriu dois casos de passageiros que sofrerão seqüelas permanentes. 
A partir do sábado, dia 04/04, a CPI das Barcas também começa a realizar audiências públicas para ouvir a população. A primeira será em Paquetá, no dia 04, às 10 horas, no Iate Club. No dia 06, segunda-feira, será a vez de Niterói, com audiência na Câmara Municipal (Rua Feliciano Sodré, 100 – Centro), às 18 horas. No dia 29/04 a CPI ouvirá os moradores da Ilha Grande em audiência na Vila do Abrahão. Também está programada uma audiência em São Gonçalo. 

Gilberto Palmares, presidente da CPI

Colaboração de EA: Ainda bem que o cara não repetiu o "feito"...

Imagine que a agencia de automóveis ali da esquina da Gavião Peixoto com a Av. Sete...
Eles simplesmente estacionavam a "promoção" do mês NA ESQUINA!!...no espaço da calçada em cima das rampas para deficientes, pintadas de amarelo... e travando o acesso para todos, deficientes e não deficientes... e ainda colocavam bolinhas de gás presas no 'carrinho', que no caso era uma enorme Pajero Mitsubishi, aquelas peruas-caminhões de luxo... sendo que toooda a calçada ficava ocupada e as pessoas se esgueiravam entre o carro e o poste, ou desciam no asfalto... 
Falei com eles uma vez e eles tornaram a colocar a segunda... entrei e falei de novo já estressado, avisando que "não estou pedindo favor nenhum, etc...é errado, e tira essa p*@% daí! Vou chamar alguém, vai dar problema, etc"...
Não puseram mais, até agora pelo menos! Parece que reclamar funciona...
É isso. 
EA

Valeu pela colaboração... que sirva de estímulo para "acordarmos" e nos darmos conta que podemos de alguma forma, e há formas!, cada um com seu jeitinho..., de não ficar à mercê de todos os desmandos  que andam por aí. Obrigada, C