segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

'Empregados' tentam impedir entrada dos 'patrões' no COMPUR em Niterói

Os empregados constrangendo a entrada dos patrões! Afinal quem paga ali todos os salários é a população e a reunião do Conselho é pública!!..
Revival de aprovação do PUR-PB na Câmara de Niterói em 2002?!
A reunião do Conselho Municipal de Política Urbana que aconteceu hoje no auditório da Prefeitura de Niterói teve a entrada da população tumultuada. Apenas os conselheiros tinham entrada liberada.
Houve constrangimento da população, que por uns 40 minutos ficou na porta da Prefeitura tentando entrar no prédio e só depois de muita negociação conseguiu subir ao nono andar. 

O espírito da ditadura é tão presente na administração pública que impedem a população de entrar em uma reunião pública e fazem 'concessões' esquecendo que a casa É do povo, que é O patrão!! E que o Compur é - ou pelo menos deveria ser na mente dos dirigentes - aberto à população!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Fazem um escarcéu desnecessário..
                 

vídeo 2 http://youtu.be/HoC9GYuLvBU

vídeo 3 http://youtu.be/tDq6FFwgamQ 
vídeo 4 http://youtu.be/KmZ5j6-6IGc
vídeo 5 http://youtu.be/QhlcI-WbuPg
vídeo 6 http://youtu.be/-ghj5Pl5f9c
Um abaixo assinado foi feito para ser encaminhado ao Ministério Público, e em seguida a população entrou. De 10 em 10 e acompanhados por policial no elevador! Constrangimento total!
  
Manifesto lido por integrante do movimento Ocupa Niterói: 
vídeo 8 Fala Rafael http://youtu.be/NvYMUKywgyc
Manifesto "Por uma cidade para Todos"
Entendemos que em uma economia capitalista, a terra torna-se mercadoria, cuja finalidade é a obtenção de lucro. A concentração das terras urbanas nas mãos de pouquíssimas empresas, em contraposição à massa que não possui moradia própria, seria inadmissível em uma sociedade realmente democrática. O papel do Estado é garantir que a competição desumana do livre mercado não prive parte da população de seus direitos básicos e que a cidade evolua de forma coerente e ordenada.
O que vemos, no entanto, é uma associação perversa de interesses privados manipulando descaradamente os recursos públicos. Os investimentos da prefeitura estão claramente associados aos interesses da expansão do mercado imobiliário e as leis são alteradas para permitir um crescimento completamente incompatível com a estrutura da cidade e o desejo de seus moradores. Niterói simplesmente não suportará os mais de 200 novos empreendimentos imobiliários que serão inaugurados entre 2012 e 2013. O trânsito não suportará os 50 mil novos veículos.
A CIDADE NÃO É UMA EMPRESA. O ESTADO NÃO PODE SER UMA AGÊNCIA DOS INTERESSES DAS GRANDES EMPRESAS! NÓS NÃO QUEREMOS ESTE MODELO ESTÚPIDO DE CRESCIMENTO, QUE EXPULSA OS POBRES E TRATA APENAS DA IMAGEM DA CIDADE. BASTA DE CRESCER PARA DEPOIS DIVIDIR! QUEREMOS UM GOVERNO QUE ATUE PARA O BEM DA COLETIVIDADE E NÃO PARA A CONCENTRAÇÃO DA RIQUEZA NAS MÃOS DE POUCOS! BASTA DE REUNIÕES ESCUSAS EM GABINETES PRIVADOS E PROJETOS NEBULOSOS QUE NÃO SÃO DISCUTIDOS!
O Movimento Ocupa é apartidário, mas não apolítico. Diante da evidente degeneração da política, propomos a transição para um outro modelo de sociedade, a ser construído coletivamente, e que permita a participação real de toda sociedade.
O que desejamos é o que ainda está por vir, construído coletivamente e em benefício dos homens e mulheres, entendidos como seres livres, ativos e dotados da capacidade de mudar o mundo e a si mesmos.
www.ocupaniteroi.org

Diversa pessoas- entre conselheiros e cidadãos - se manifestaram ora questionando o processo de encaminhamento do Projeto do 'Novo Centro Expandido' e o absurdo tanto de sua forma, no dia 5, como de conteúdo, ora sobre a importância da grande audiência nessa noite..
Momento histórico no Compur!
Ainda que o documento apresentado pela Secretaria de Planejamento na última segunda dia 5, tenha sido retirado pela prefeitura no último sábado através da imprensa, declarado como "um equívoco lastimável e imperdoável" pelo prefeito, ao fim da reunião foi solicitada sua votação simbólica, tendo sido vetado por unânimidade!

vídeo 9 fala secretária de Urbanismo http://youtu.be/31t5iSgPtkA
vídeo 10 fala Leonardo Giordano http://youtu.be/2wg73sLFDXs
vídeo 11 Fala Quintão http://youtu.be/hXvXbVpYzG4
vídeo 12 Aparte Paulo Eduardo Gomes http://youtu.be/nwMJxMZMiHU
vídeo 13 Fala Paulo Eduardo Gomes parte1 http://youtu.be/O8gXBYKUUJw
vídeo 14 Fala Paulo Eduardo Gomes parte2 http://youtu.be/ypJr3KZ9i7w
Vamos ver o que virá por aí depois disso. Barbas de molho...

3 comentários:

  1. Muito bom ver o niteroiense acordando e batalhando por uma gestão pública menos pior (claro, porque dizer "melhor" na administração de JRS seria puro eufemismo...). Parabéns ao CCOB, ao Ocupa Niterói, ao Acorda Niterói e a todos os que estiveram presentes à reunião dando o seu recado. E valeu, Cynthia, pelo seu papel de difusora crítica dessa participação cada vez mais ativa.

    ResponderExcluir
  2. Amig@s

    Realmente trata-se de um momento histórico, pois prevaleceu o direito do cidadão de influenciar nos destinos da sua cidade. O COMPUR precisa cada vez mais ser apropriado pela sociedade. Alias precisamos fazer com que TODOS os CONSELHOS sejam de espaço de debate e definição de políticas que atendam os verdadeiros interesses de Niterói. Os CONSELHOS não podem servir apenas atender as exigências legais para repasses de verbas ou para legitimar políticas que atendem aos interesses econômicos. Para isso precisamos aprimorar a escolha dos representantes da sociedade civil, de modo que cumpram o seu papel de influenciar as políticas públicas em consonância com os interesses da maioria da população.

    Parabéns a TODOS que estiveram presentes e ao DESABAFOS NITEROIENSE que garante a informação a quem não pode comparecer.

    Antonio Oscar

    ResponderExcluir

Lembre de assinar! Só comentários COM NOME serão postados.
Obrigado por participar!