sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Quem paga o pato é o povo de Niterói..

Este é o 'bom momento' dos negócios feitos pela Ademi que premia os tops em construção em Niterói e revela:... 
(..)"Um levantamento feito pela Ademi-Niterói apontou que foram lançados, em 2010, 28 empreendimentos residenciais e comerciais no município, um total de 3.009 unidades. (..)
Nos últimos três anos, foram quase 90 novos empreendimentos em Niterói, com 9 mil unidades ao todo. Este ano, até julho, mais de 4.500 unidades foram lançadas."(..) (os grifos são de autoria deste blog)

http://odia.terra.com.br/portal/imoveis/html/2011/9/ademi_premia_tops_da_construcao_em_niteroi_196183.html
'Bom momento' para quem, cara pálida?!
O ônus para a população niteroiense é incalculável.

A começar pelo mais sutil. A memória do cidadão. Casas e mais casas são postas abaixo levando consigo a memória associada a uma rua, um bairro, a cidade como um todo. 
Pieguice!, dirão os empresários e os políticos que apóiam e lucram com essa investida desvairada sobre a cidade. 
Faz parte da saúde mental e emocional do cidadão um conjunto de valores com os quais ele possa se identificar e ter garantida sua percepção de pertencimento. Ter garantida a confiança que vive em comunidade - por mais que a violência oficial, incentive que isso não aconteça - mesmo que não fale com os vizinhos, não saiba seus nomes, não troque palavra no elevador, morra de medo de sair à rua.
Depois vem as questões não tão sutis e que afetam também a saúde dos indivíduos, como o aumento do barulho produzido por mais carros e mais gente circulando, mais sinaleiras de garagens apitando..; a poluição do ar, com mais engarrafamentos; e por fim, o mais óbvio e de estreita e total responsabilidade dos governantes, que são os serviços a serem prestados à população já existente e agora acrescida com uma população emergente, que é dar suporte a este acréscimo populacional com a infraestrutura sanitária - água, esgoto, drenagem; estrutura viária adequada; concessionárias para energia, telefone, internet, que geram problemas desde a carência do serviço em si, mas os estragos e remendos deixados pelas mesmas como calçadas irregulares, asfaltos remendados da pior maneira possível...sem falar da estrutura de saúde, educação para os novos moradores etc etc..a lista é quase interminável.
Mas as eleições vem aí e teremos oportunidade de ficar de olhos bem abertos e votarmos com a memória em dia.
A Ademi comemora mais dinheiro no bolso, que para os empresários é um grande sucesso e ainda acham que calam a boca de uns e outros com a geração de empregos... A cidade não suporta mais tanto descaso, nem incompetência com os votos dados em 2008.
E só para ilustrar - com uma 'bobagem' - esse buraco na rua Alvares de Azevedo quase esquina de rua Cel. Moreira César foi flagrado sexta-feira passada e hoje, 7 dias depois.. 
Nada aconteceu. Ele só aumentou de tamanho.

23set
23set
30 set

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lembre de assinar! Só comentários COM NOME serão postados.
Obrigado por participar!