domingo, 21 de novembro de 2010

A sociedade está preparada para instituir punições a quem joga lixo nas ruas

André Trigueiro fala.

CBN - A rádio que toca notícia - André Trigueiro

Vale ouvir. Muito interessante ele falando de sua indignação diante de um cidadão que viu hoje em Botafogo, a poucos metros de uma lixeira cor de laranja, e que jogou a latinha de cerveja no chão.
Ele arrisca dizer que supõe que isso se dá porque temos um antigo hábito introjetado de se achar que a rua é lugar de ninguém! E lembra que no Dicionário da Cidadania, rua é lugar de todos!!

Tenho pensado muito nisso quando recolho um lixo de alguém que acabou de dispensar um maço de cigarros na rua, bem na minha frente. Recolho para constranger mesmo. Para lembrar que não é ali o lugar. 
E fico pensando: será que esse sujeito jogaria o dito maço no chão da sua casa, na sala, na sua varanda? 
A menina de classe média que outro dia estava na parada de ônibus, que jogou um singelo papelzinho na sarjeta, jogaria no chão do seu quarto? Duvido.
Mas as pessoas ainda não se deram conta que a rua é de todos e como tal devemos respeitar o espaço alheio, público e procurar a lixeira mais próxima, e se não houver, colocar seu lixo na bolsa, no bolso, levar na mão e dispensa-lo no lixo em sua própria casa. CG/DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lembre de assinar! Só comentários COM NOME serão postados.
Obrigado por participar!